O corpo do cantor sertanejo que foi atacado com uma enxada em Sumaré, no interior de São Paulo, foi encontrado em Minas Gerais. O caminhoneiro Joel foi preso e confessou o crime. É Joel que aparece nas imagens das câmeras de segurança agredindo “senhor Edézio” até a morte. A polícia chegou até ele através do rastreador do caminhão. Joel tinha uma viagem até a Bahia e no caminho aproveitou para desovar o corpo do cantor sertanejo em passos, Minas Gerais. O dono do estacionamento de caminhão, onde Edézio trabalhava, também foi detido, e a motivação do crime ainda está sendo investigada.

source