10/11/2023

Max Feffer terá ‘Rock no Parque’ e adoção responsável de pets neste domingo

Atividades começam às 10 horas com o ‘Baby, me Leva!’; já as apresentações musicais se iniciam às 13 horas

O Parque Municipal Max Feffer recebe neste domingo (12/11) mais uma edição dos eventos “Baby, me Leva!” e “Rock no Parque”. Realizadas pelas Secretarias de Meio Ambiente e de Cultura de Suzano, respectivamente, as duas atividades ocorrem nas dependências do parque, que está situado na avenida Senador Roberto Simonsen, 90, no bairro Jardim Imperador.

Com o objetivo de encontrar novos lares para pets que sofreram maus-tratos ou foram abandonados, o evento de adoção ocorre das 10 às 17 horas. Ele é realizado pelo Setor de Bem-Estar Animal e terá cerca de 50 animais, entre cães e gatos, que estão em ONGs e com protetores e disponíveis para adoção.

Qualquer morador que queira iniciar o processo pode levar documento de identidade com foto e comprovante de residência, tanto original quanto cópia. O responsável precisa ser maior de 18 anos. “É mais uma edição deste evento que visa encontrar um lar os pets que sofreram com o abandono. Faremos um processo cuidadoso com quem quiser adotar, para que esse animal possa ter carinho e amor”, explicou o secretário de Meio Ambiente, André Chiang.

Por sua vez, o “Rock no Parque” é uma iniciativa da Secretaria de Cultura que abre espaço para os talentos deste gênero musical se apresentarem ao público.

O evento ocorre das 13 horas às 17h30 e começa com uma apresentação da Mavra, banda autoral de Suzano que aposta no gênero occult metal. Em seguida a banda Opus Hell, formada em 2009, sobre ao palco com um repertório de músicas de bandas como Twisted Sister, Accept, Saxon, Judas Priest, Grave Digger, Running Wild, Riot entre outras, além de músicas autorais.

A terceira apresentação fica por conta da Vulgar Pantera Tribute, também formada em 2009, com intuito de prestar tributo à música de um dos maiores representantes do metal: a banda Pantera.

O evento contará ainda com apresentações de Alisson Pessanha – Pirofagia e Malabares e com o números circenses do Espaço de Arte e Cultura Studio F. Aéreos. “É um evento integrador e apaixonante que reúne dezenas de pessoas apaixonadas pelo rock. Cada vez mais temos bandas interessadas neste projeto e é importante darmos essa visibilidade a elas. O ‘Rock no Parque’ permite isso e ainda gera muito entretenimento para quem vai ao Max Feffer no final de semana”, ressaltou o secretário de Cultura, o vice-prefeito Walmir Pinto.


source