Moradores de Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo, protestaram na tarde desta quinta-feira (16) em razão da falta de água. Os manifestantes atearam fogo em objetos e interditaram um trecho da estrada Abias da Silva, no bairro Itaquaciara.



A Sabesp informou que a queda de energia elétrica na noite de quarta-feira (15) afetou o abastecimento de água em Itapecerica da Serra e outros municípios da região metropolitana de São Paulo. (Veja o posicionamento completo abaixo)



Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp

Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp

Compartilhe esta notícia pelo Telegram

Assine a newsletter R7 em Ponto





Revoltados, os moradores puseram fogo em pedaços de madeira, pneus e um sofá, bloqueando a passagem de veículos. Segundo os manifestantes, eles estão sem água na região há cerca de sete dias. 


De acordo com a Polícia Militar, o protesto começou por volta das 14h15, e o Corpo de Bombeiros foi acionado para apagar o fogo na via. Ninguém ficou ferido.


Nota da Sabesp na íntegra:


A Sabesp informa que trechos de Itapecerica da Serra, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra e Taboão da Serra e de bairros da zona sul de São Paulo, como Capão Redondo, Jardim Ângela, Parque Santo Antônio, Parque Bologne e Jardim São Luís, estão com o abastecimento em recuperação devido à nova queda de energia elétrica na noite de quarta (15). Na segunda (13), houve interrupções sucessivas que afetaram parte da área abastecida pelo Sistema Guarapiranga.


A Companhia está realizando manobras operacionais para reduzir o impacto. A retomada do fornecimento, que está ocorrendo gradualmente, vem sendo mais lenta em virtude da alta de consumo causada pela onda de calor. A previsão é que a recuperação do abastecimento ocorra durante esta quinta-feira (16).


Na região do Tremembé, na zona norte, e Franco da Rocha, onde quedas de energia também afetaram equipamentos, o abastecimento está em recuperação


A Companhia orienta aos moradores que dispõem de água o uso consciente para melhor recuperação de todo o sistema de distribuição de água.



*Sob a supervisão de Laura Lourenço

source