Nesta terça-feira (31), a Prefeitura de Arujá realizou a cerimônia de entrega de certificados de conclusão da segunda edição do Programa “Prospera Família” no município, uma parceria entre governo do estado e administração municipal, que visa promover a mobilidade social e o rompimento do ciclo de pobreza de famílias monoparentais inscritas no Cadastro Único. A cerimônia, realizada no Lions Clube de Arujá, formou 88 mulheres, que participaram das atividades oferecidas pela Secretaria Municipal de Assistência Social, responsável pela coordenação do programa.

A cerimônia contou com a presença de diversas autoridades, entre elas a primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Clau Camargo, que destacou o objetivo da Prefeitura em capacitar as pessoas para que tenham sua própria vida e se empoderem. “Nós, do Fundo Social de Solidariedade, junto à Secretaria de Assistência Social, de Desenvolvimento Social e da Prefeitura de Arujá, como um todo, temos como nosso principal objetivo, além de cuidar, acolher, também capacitar as pessoas. Para que estas tenham a sua própria vida e se empoderem, assim como no Programa ‘Prospera Família’. Criar oportunidades para que as pessoas possam crescer na vida”, disse Clau Camargo.

A secretária-adjunta de Assistência Social e coordenadora municipal do programa Prospera Família, Juliana Daniel, também ressaltou o impacto dessa ação com as participantes e agradeceu a participação de todos os envolvidos no desenvolvimento do programa, em nível municipal e estadual. “Desde o início no nosso município, o Prospera foi uma luz de esperança para as pessoas e, hoje, celebramos a conquista de 88 mulheres, que perseveraram e demonstraram uma resiliência admirável”, afirmou.

Uma das beneficiárias do programa foi Jucicleide Silva, que aproveitou a ocasião para homenagear a tutora Penha Maria Silva, falecida em setembro, e que foi uma das responsáveis pelo acompanhamento das mulheres no programa. “A Penha era um exemplo de grande mulher, batalhadora e que, nessas batalhas, levava muita gente junto com ela. Deixou um legado de nunca desistir. No começo, pensei muitas vezes em desistir, mas ela não deixou. Ela merece todo nosso reconhecimento e carinho”, assinalou.

“A Penha foi uma pessoa muito importante aqui em nossa cidade, nos ajudou demais no Fundo Social de Solidariedade. Uma pessoa de coração enorme e que hoje está cuidando de nós e olhando para a gente lá do céu”, acrescentou Clau Camargo, após, junto às autoridades, realizar a entrega de flores e um certificado de honra para os familiares presentes de Penha.

O programa estadual Prospera Família é uma iniciativa do governo do estado de São Paulo e atualmente conta com 47 municípios participantes. A cerimônia também teve a presença do coordenador estadual do programa, Rafael Ananias; da presidente da Organização Social Samaritano São Francisco de Assis, Cecilia Stringhini, que auxiliou o município na coordenação do programa; do diretor regional da Diretoria Regional de Assistência e Desenvolvimento Social (DRADS) Leste Mogi das Cruzes, Edson Torres; da diretora do Núcleo de Convênios da DRADS Leste Mogi das Cruzes, Rosely Figueiredo; da secretária da Secretaria de Assistência Social de Arujá, Marina Bernardo; bem como tutoras do programa; vereadores representando a Câmara Municipal; professores do Centro Paula Souza e do Sebrae, também parceiros do município.

source