01/11/2023

Secretaria de Finanças apresenta projeção orçamentária em audiência pública na Câmara

Durante o encontro, secretário Itamar Viana detalhou as perspectivas de arrecadação de cada receita da administração municipal e falou sobre as contribuições dos munícipes para a PLOA

A Secretaria Municipal de Planejamento e Finanças apresentou nesta terça-feira (31/10) a projeção orçamentária da Prefeitura de Suzano para o ano que vem, durante audiência pública realizada pela Câmara. O chefe da pasta, Itamar Corrêa Viana, acompanhado do diretor de Orçamento, Willian Nakamura, falou sobre as perspectivas referentes às contribuições de cada fonte de receita e destacou o valor que está sendo estimado para o orçamento, que é de R$ 1,43 bilhão.

A atividade foi conduzida pelo vereador Edirlei Junio Reis, o Professor Edirlei, e contou com a participação dos parlamentares Jaime Siunte; Artur Takayama; Nelson dos Santos, o Nelson do Fadul; Márcio Alexandre de Souza, o Márcio Malt; José de Oliveira Lima, o Zé OLiveira; e Lazario Nazaré Pedro, o Lázaro de Jesus. O tema central da audiência foi o projeto de lei nº 93/2023, que estima a receita e fixa a despesa do município de Suzano para o exercício de 2024, chamado oficialmente de Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA).

Na oportunidade, foram compartilhados com os presentes os números referentes à evolução das receitas municipais. Com relação à projeção de arrecadação das principais fontes de arrecadação, foram informadas aquelas provenientes do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), de R$ 388 milhões; do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), de R$ 146,8 milhões; do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), de R$ 138,3 milhões; do Imposto Sobre Serviços (ISS), de R$ 128 milhões; e do Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), de R$ 18 milhões.

Para a elaboração da peça orçamentária, também foram colhidas sugestões da população, recebidas de maneira presencial, em audiência pública realizada no dia 11 de setembro, no Cineteatro Wilma Bentivegna, e de forma virtual, por meio do site da Prefeitura de Suzano. Ao todo, foram feitas 335 sugestões, direcionadas em maior quantidade para as áreas de Educação (264) e Administração (40). As mesmas foram analisadas pelo Poder Executivo para que fosse verificada a viabilidade da implantação, conforme compatibilidade com o plano de governo e com o plano plurianual.

O secretário falou sobre a audiência e a possibilidade de compartilhar com vereadores e demais munícipes as perspectivas orçamentárias da administração municipal. “Essa atividade é fundamental para darmos transparência a uma das peças mais importantes da gestão pública, que é o orçamento anual. Os números apresentados refletem o trabalho que está sendo desenvolvido para que a prefeitura possa atender às demandas da população. Por isso, reunimos contribuições dos munícipes para compor o projeto de lei orçamentária de 2024”, destacou o chefe da pasta.


source