“Espaço Mãos Verdes” visa conscientizar as pessoas assistidas pelo Instituto Rita para Surdos quanto às ações de educação ambiental e sustentabilidade

 

 

A Secretaria de Meio Ambiente de Poá inaugurou, nesta sexta-feira (28), o ‘Espaço Mãos Verdes’, que abrigará uma horta inclusiva no Instituto Rita para Surdos. O objetivo é ter um espaço verde no local, inclusive para uso assistido da instituição. A ação faz parte da programação do ‘Junho Mais Verde’, que promoveu a conscientização ambiental no mês em que se comemorou o Dia Mundial do Meio Ambiente.

 

“Em mais uma edição do ‘Junho Mais Verde’, criamos meios de conscientizar as pessoas quanto às ações de educação ambiental e sustentabilidade. Tivemos palestras, plantio de árvores, exposição, visita ao Centro de Educação Ambiental, Moeda em Dobro, entre outros”, disse o secretário municipal de Meio Ambiente, Thiago Cavaletti.

 

“A ‘horta inclusiva’ integra práticas de cultivo aos surdos assistidos pelo Instituto Rita, ensinando-os sobre sustentabilidade, alimentação saudável e responsabilidade”, explicou Thiago, acrescentando que o projeto atua na transformação de um local esquecido para o cultivo e a socialização.

“Esta contribuição da Secretaria de Meio Ambiente proporciona a modificação de hábitos não só ambientais, mas também alimentares. Todas estas iniciativas visam à adoção de um estilo de vida que cause menos impactos ao meio ambiente, observando a problemática ambiental que vivenciamos partindo da horta e do jardim”, completou ele. 

 

Conselho

 

O secretário municipal de Meio Ambiente, Thiago Cavaletti, conduziu, nesta quinta-feira (27), mais uma reunião do Conselho Municipal de Saneamento Ambiental. Na ocasião, houve deliberação pelos membros do Conselho para utilização do Fundo Municipal de Saneamento Ambiental para a realização de serviços de limpeza do reservatório de contenção de enchentes (Piscinão) e a realização de obras de drenagem em pontos necessários do município.

 

Durante o encontro, houve ainda apresentação da representante da Sabesp no Conselho, Michele Galhardo, e do secretário de Obras, Francinaldo Alves. Thiago explicou que o repasse dos recursos para o Fundo Municipal de Saneamento Ambiental é proveniente da concessionária Sabesp. 

 

Anúncios

source

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui