As aulas estão disponíveis de forma gratuita em 151 escolas; estudantes podem aprender inglês, espanhol e até mandarim



 

Os Centros de Estudos de Línguas da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP), estão com inscrições abertas para os cursos de idiomas do 2º semestre deste ano. São 151 centros que oferecem aulas gratuitas de inglês, espanhol, alemão, francês, italiano, japonês, mandarim, além de aulas de português para estrangeiros e Libras.

O curso de inglês e de mandarim são ofertados exclusivamente para alunos do Ensino Médio e têm três anos de duração. Já os outros cursos têm módulos semestrais e podem ser frequentados por estudantes a partir do 7º ano do Ensino Fundamental e estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e Centros Estaduais de Educação de Jovens e Adultos (CEEJAs).

As aulas de Libras são abertas também a estudantes a partir do 7º ano do Ensino Fundamental, mas têm três semestres de duração. As aulas de português como língua estrangeira para estrangeiros estão disponíveis para estudantes a partir do 6º ano do Ensino Fundamental e são ministradas por um ano e meio.

“Nesses centros, os estudantes têm a chance de explorar aprendizados que abrangem diversas culturas e sociedades, ampliando assim seus conhecimentos nas línguas estudadas e contribuindo para a sua formação. Ao estudar inglês, espanhol, francês e muitos outros idiomas nos CELs, os estudantes da rede pública têm a oportunidade de abrir portas para um futuro ainda mais promissor., ressalta a assessora de projetos da equipe de desenvolvimento curricular da Secretaria da Educação, Letícia Longo Buena.

As aulas dos cursos de idiomas são presenciais. Para se matricular, os estudantes devem procurar um dos centros portando documento de identidade com foto e comprovante de endereço. Cada unidade tem autonomia para formar suas turmas, divulgar o resultado das inscrições e organizar os dias e horários de aulas.

Os alunos que finalizam todos os módulos dos cursos de idiomas recebem certificado de conclusão. O desempenho acadêmico e a carga horária dos cursos ficam registrados no histórico escolar.

No portal da Secretaria da Educação é possível conferir a lista dos centros que oferecem as aulas e os idiomas ofertados.

source
Com informações do Governo de São Paulo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui